Posts Tagged ‘social media’

Twitter e seu processo de “Beato do Marketing”

30/06/2009

Para qualquer pessoa falar do Twitter agora, deve mostrar respeito, pois o site de microblogging está indo de vento em popa!

Além de estar fazendo sucesso como ferramenta social, está se mostrando como um bom aliado do marketing. Fazendo um paralelo com os processos de canonização da Igreja Católica, uma rede social, para obter o status de “Beato do Marketing”, deveria passar por uma análise na qual verificariam cases de marketing com origens puras na rede social em pauta. Analisando a ‘beatificação’ do Twitter, ele já está pronto para receber o título, após ter sido o instrumento principal de alguns bons cases.

Paralelos a parte, o Twitter está se consolidando como um bom instrumento de comunicação, entretanto, como todo instrumento, tem que ser muito bem utilizado e orquestrado.

Dentre as milhares de empresas que estão presentes no site, existem algumas que estão fazendo sucesso e, provavelmente, estarão nas listas de premiações de marketing nos próximos anos!

Um case que teve sucesso comprovado foi o da Tecnisa, que conseguiu vender um imóvel através do Twitter, vale a pena ver o case aqui. Além da tecnisa que está fazendo um excelente trabalho em redes sociais, o varejista virtual Submarino, que faturou mais de R$ 3 milhões apenas pela ferramenta, e a Dell que também está com operação consolidada no site de relacionamento, são ótimos exemplos de uma boa gestão em Social Media, mais especificamente, no Twitter. Vale a pena ressaltar que o sucesso do Submarino e da Dell são a prova de que as redes sociais servem como boa ferramenta de marketing para o varejo também. Até então, acreditava-se que as mídias sociais só eram interessantes para branding.

Além de cases de grandes empresas, temos alguns exemplos de boa utilização de social media vindos de pequenos empresários e, acreditem se quiser, de igrejas:
Church Marketing Sucks: Este site, especializado em comunicação e marketing para igrejas, colocou matérias mostrando como os pastores podem utilizar o twitter em prol da paróquia.

Think Christian: O site coloca em debate vários itens que um padre deve saber para comandar sua paróquia, entre eles, (ahá) está o Twitter. Aqui ele vai mais além, abriu uma discussão no site sobre experiências que outros padres e bispos já tiveram. O detalhe é que a discussão foi realizada no Twitter.

Uma padaria britânica passou a utilizar o site para avisar seus clientes quando a fornada estava pronta (Baker Tweet).

Naked Pizza: A pizzaria tira pedidos através da ferramenta. Além disso, coloca novidades no cardápio, promoções e descopntos.

Com isso, a lição de que o Twitter pode e deve ser utilizado como ferramenta de marketing é óbvia. Entretanto, não adianta entrar no site apenas para mostrar para os clientes que a empresa entrou na era das redes sociais e agora pode atendê-lo de maneira mais dinâmica, isso não. Deve ser feito algo permanente e consistente, além de ser originalmente feito para as mídias sociais. Do contrário, será apenas mais um perfil corporativo buscando a benção e um milagre do Twitter.

Anúncios

Social Media – A nova moda

17/06/2009

Incrível a velocidade com que as ferramentas de comunicação se desenvolvem no mundo online.
O que antes levava alguns anos para evoluir, passou para meses e agora, se desenvolve em questão de minutos!
Não há um evento em que esse assunto não seja abordado, de trade a marketing direto, todas as disciplinas de marketing estão bebendo dessa fonte.

A grande questão é qual melhor forma de utilizá-las. Essa, ninguém sabe responder ao certo!

Não há agência, empresa ou consultor que descobriu a fórmula do sucesso para utilização de Social Media. O Orkut já teve seu melhor momento e ninguém conseguiu provar a utilidade comercial da rede, blog´s, Twitter, MySpace e as milhares de outras redes sociais que estão no ar, e adivinha, ninguém apresentou algo consolidado.

Não estou desprestigiando as campanhas que conseguiram utilizar essas plataformas com sucesso, apesar de utilizá-las apoiadas em mídias tradicionais. Temos alguns exemplos bastante concretos como Nike, Dell, Telefônica, entre outras, conseguiram ter bons desempenhos em campanhas, entretanto, são poucos testes perto do volume de campanhas que essas empresas sustentam.

Na maioria das vezes, o que acontece é o inverso do que as corporações querem, ou seja, produções domésticas com sucesso bombástico parodiando uma marca que tentou fazer alguma ação no ambiente social, ou até quando a marca não tem nenhuma ação nesse ambiente. Aí sim, casos como esse temos aos montes: DELL HELL, GMC, Bis, e até a Dafra.

As empresas ainda vão penar pra conseguir descobrir um meio seguro ou, parcialmente seguro, para entrar nas redes, enquanto isso, ainda vamos ver muitas ações irem por água abaixo, seja por ineficiência da campanha, seja por virais parodiando a marca.

Por enquanto, algumas empresas estão conseguindo rentabilizar o Twitter, aí, tenho que admitir, algumas de maneira bem criativa e relevante, como a LG com o lançamento LG Top Mount, a Dell e o Submarino. Essa ferramenta está mostrando uma auto-sustentação mais forte do que foi o ‘vendaval’ Second Life, o qual foi embora sem se despedir!

Vamos ver como será os próximos meses, se o Twitter aguentará essa avalanche de ferramentas e aplicativos.

Deixo esse vídeo de uma provedora de internet rápida americana: